Riso Sem Fronteiras – Altamira (Belo Monte) e OcupaRiso

Data: 02 de Novembro a 18 de Novembro 2018

Parceiros: Clowner utan gränser Suécia e Palhaços Sem Fronteiras Brasil

Equipe: Aline Moreno (Brasil), co-fundadora da Palhaços sem Fronteiras Brasil; Juliana Balsalobre (Las cabaças) Anneli de Whal (Palhaços Sem Fronteiras Suécia) Hugo Gerdmar (Palhaços Sem Fronteiras Suécia).

Locais atendidos: pessoas afetadas pela construção de da Usina Hidrelédrica de Belo Monte em Altamira, e ocupações e comunidades em São Paulo

Número de apresentações:

Número oficinas: 

Público total:

Breve histórico:  O projeto acontecerá em duas partes:

1- Em Altamira, crianças e famílias foram desalojadas de suas casas. Elas foram forçadas a se mudarem devido a decisão controversa da construção da Usina hidrelétrica de Belo Monte, a terceira maior do mundo. Desde a construção, grandes áreas inundaram e forçaram a retirada da população. Agora eles foram reassentados em lugares que não levam em conta sua origem, suas tradições e modos de vida.

 2- A segunda parte do projeto acontecerá em áreas vulneráveis de São Paulo, com o Projeto que já tem duração de dois anos, que se chama OcupaRiso. Na grade São Paulo existem milhares de famílias organizadas em ocupações, essas famílias geralmente vivem em condições precárias de habitação, sem acesso a serviços públicos, como água, saneamento, escolas, etc.
 Em parceria com organizações locais trabalharemos nessas áreas, com objetivo de inspirar a criatividade e construir pontes afetivas através do circo.

Modo financiamento: Doações de pessoas físicas, parcerias locais, workshop ministrado por Las Cabaças, e Clowner utan gränser Suécia